O ladrão de arte.

Tenho que confessar algo aos meus queridos amigos leitores: quando recebi este livro e dei uma olhada na capa achei ele interessante. Depois, lí o nome e a sinopse, achei que pudesse ter de interessante só a capa. Me enganei.
Pensa em um livro que tem uma temática legal. Que consegue prender a sua atenção. Que além de ser uma leitura de distração ainda te traz informações sobre arte em geral.
É o que você vai encontrar neste livro.
Isso e muito mais.

Bom, vamos ao livro.
O ladrão de arte conta de forma detalhada três roubos distintos,. O primeiro acontece na escura e calma madrugada de Roma. Uma obra de Caravaggio desaparece misteriosamente do altar da igreja de Santa Giuliana. O padre, assustado com o alarme da igreja que lhe acordara três vezes na madrugada, se dá conta do desaparecimento da obra quando a luz do dia banha a nave da igreja.

Ás vésperas de um leilão, a suspeita de uma obra de arte falsa disperta a atenção de Geneviève, curadora da Sociedade Malevitch, em Paris. É aqui que o segundo roubo é descoberto. Em uma visita ocasional a câmara de segurança da Sociedade ela percebe que a obra mais preciosa do acervo, o Branco sobre Branco, havia desaparecido.
Para acompanhar o destino do Malevitch, Geneviève acompanha o leilão e repara que a obra, suspeita de ser falsa, estava sendo vendido para um outro museu.
Uma pane no sistema de segurança deste museu deixa as portas abertas para o terceiro roubo. A tela leiloada, anunciada pela imprensa que estava no museu e ia ser exposta em breve, o Branco sobre Branco, desaparece.
Pistas que não se encaixam, uma arte que nega icones e imagens de santos, ladrões de arte que são perdoados por serem ladrões de arte.
Tente não se perder em meio a tanta informação. Tente não se confundir com as pistas malucas de Bizot e Harry e seus amigos atrapalhados. Tente não se apaixonar por essa trama bem esquematizada sobre o mundo da arte.

Noah Charney mistura obras de arte famosas, com roubos cheios de mistérios. O mundo da arte como você nunca viu. Detalhes de cada uma das obras comentadas.
O autor traça uma trama misturando três locais diferentes, três roubos diferentes, três obras de arte diferentes e muita informação de mundo.
Caravaggio com sua Anunciação. Leonardo da Vinci com a tão conhecida Monalisa, Malevitch com sua obra suprematista do Branco sobre Branco, é o que você vai encontrar por aqui.

O livro é da editora Intrínseca, e é lá que você encontra mais informações sobre o livro.
Espera que tenham gostado da dica. Uma ótima leitura a todos e até o próximo livro.

13 comentários:

Fabio Bustamante disse...

Bem legal seu blog. São raros os blogs que fazem análise de obras da literatura, e o seu é muito bom porquê combina um bom conteúdo com um bom layout. Sobre esse livro, eu não conhecia, mas apesar da análise um pouco negativa, eu achei um tema interessante. Para finalizar, digo que é sempre bom ler, e este é o blog certo para quem quer conhecer mais conteúdo de literatura.

www.blogdossub15.blogspot.com

Tute Braga disse...

Mais um "seguidor" do Dan Brown... não poderia ser bom!
hahahaha
=)

Odeeeio livros estremamente comerciasi... ai ai ai...
rs

beijossss

•Tнαyєททє Rσdrigυês disse...

Bom, pra ti ser muito sincera, digo que não li tudo. Na real quase nada, e não que eu não tenha achado interessante, pelo contrário.
Gostei do livro, que me parece ser muito bom, ja até tinha ouvido falar, mas pelo comecinho do texto parecia que vc ia contar a história do mesmo, e ai perderia a graça de ler, se eu ja soubesse tudo rs.
Mas gostei da idéia de fazer um blog sobre literatura, e principalmente, falando de um jeito em que todos intendam.
Ler é cultura, e eu apoio.
PARABÉNS!

PASSA NO MEU?
ATUALIZADÍSSIMO.

-SE GOSTAR, SEGUE AÊ!

http://umpoucoodtudo.blogspot.com/

ULTIMO POST : ALMAS GEMEAS.

E DESDE JÁ..VOLTE SEMPRE!

Thiago Carvalho disse...

Já conhecia esse livro, cheguei até a postar no meu blog sobre ele..
O engraçado é que você é a primeira pessoa que vejo falando bem dele, o resto só reclamou... rsrs

Gosto é uma coisa engraçada né.. =P

Beijoss

Esther cyrraia disse...

bem, muito legal a proposta do seu blog e o layout tb é ótimo!
quanto ao livro, eu adoro arte mas acho que este mistura uma trama policial meio estilo Sheldon demais, nao sei, comecei a ler mas parei na metade, sou suspeita ainda para comentar... rsrs
vc conhece Douglas Adams? acho que daria um post interessante o mochileiro das galáxias! rsrs
xeru e to te seguindo

Francorebel disse...

Parabéns pelo incentivo à leitura no seu Blog. Não conheço esse livro de que você fala, mas me parece muito interessante. Valeu!

Blogueira disse...

Legal seu blog e atemática dele também.
SUCESSO.

Eduarda Ramos disse...

Nossa! Gostei o livro, pelos menos até agora rs. Vou procurar, e lê depois que terminar o que estou agora (Neve- Orhan Pamuk)
Gosto de livros com histórias assim, um certo mistério é sempre bom né?!

Obrigada pela dica, um abraço.

O mundo de cada um disse...

Pela sua resenha me fez ter interesse em ler a obra, pena que estou meio sem temp pra isso, por causa da facul e trabalho, mas nas féria quem sabe. Gostei do blog.

amoremfrascos disse...

Obrigada pela visita. Amei seu blog, por isso ganhou mais uma seguidora!!

bjooo

bntzin disse...

Faça me uma visita..
vim aki e adorei seu blog..
vi os outros post..
muita criatividade viu parabéns ..

http://planetavidademerda.blogspot.com/

bntzin disse...

legal O blog.. gostei muito
passa no meu
http://planetavidademerda.blogspot.com/

sidnei disse...

Nossa este livro deve ser muito bom, gostei da dica, gostei do blog tbm vc esta de parabéns!

http://seligainfo.blogspot.com/